29 março 2007

SOLIDÃO

De JOSÉ GOMES FERREIRA
Nunca mais
deixes sangrar no coração
esse violino de punhais
a que chamam solidão.
Transforma-o noutro violino de astro fundo
para que a tua canção
chegue à nossa pele
e aqueça o mundo
( embora te gele )...

2 comentários:

jj disse...

Andamos em sintonia!... O seu Gomes Ferreira e o meu Kipling... :)

Jinhos.

david santos disse...

Olá, Dona Lourdes!
Que a sua semana da Páscoa seja igual à de toda a humanidade: feliz.