10 abril 2009

6ª FEIRA DE PAIXÃO


Deixai, deixai passar o homem forte,
o ungido do Senhor.
Se a cruz que arrasta agora é cruz de morte,
também é cruz de Amor !

Morres tu, mas a ideia que deixáste
não morre, como a luz em fim de dia,
nem o fogo do céu que em ti ardia,

nem o exemplo sublime que legáste !


in A senda do Calvário

ANTERO DE QUENTAL

1 comentário:

jj disse...

Mais palavras, para quê?...

Boa Páscoa!
Jinhos.