13 julho 2008

QUEM TEM OUVIDOS PARA OUVIR...

Estamos em meio do mês de Julho, acabaram-se aulas e exames, as inscrições nas Universidades já passaram aquela fase tormentosa e, sendo assim, muitas famílias puderam ir para férias ,uma vez que os mais velhos haviam preparado os planos de férias nos seus trabalhos de maneira a que coincidissem as liberdades de todos para, juntos, poderem sair, viajar, mudar de clima.
Quando eu fui estudante e ainda não existia a paixão ( e a possibilidade ) das viagens, todos iam para a praia e muito poucos, primeiro para a praia e a seguir para o campo, como diziam os médicos que era perfeito para a saúde. Agora a praia frequenta-se durante quase todo o ano e não admira pois que, nesta altura, configure o escape mais fácil e rápido de obter, ainda que mais lá para a frente possam surgir outras saídas mais sofisticadas... Este é então o fim de semana em que os areais portugueses vão regurgitar... Pela moda, pelo bronze...pela urgência !
Não será não aquela sedução do grande espaço aberto e estranhamente silencioso dos azuis que se confundem na distância e nos levam a sonhar com o infinito.
Curiosamente,São Mateus diz-nos no Evangelho de hoje que Jesus saiu de casa e foi sentar-se à beira-mar. E também uma enorme multidão o rodeou... Sabemos como Jesus sempre procurava zonas solitárias e silenciosas para meditar e estar com Deus, por isso podemos imaginar o que ele desejava, quando se foi sentar á beira-mar... No entanto, os seus pensamentos não deixaram que perdesse esta oportunidade de comunicar, tal era a apetência que via no auditório e provavelmente de tal forma era propícia a beira-mar... E assim, subiu para um barco ali varado, dando-lhe a dignidade do melhor púlpito, e começou a dizer... Como sempre a sua palavra ia direita a uma audiência ávida e seca de expectativas, e era doce e misterioso o que dizia... Foi pois ali, junto do imenso e misterioso mar que disse, não só àquela multidão, mas a todos nós: QUEM TEM OUVIDOS PARA OUVIR, QUE OIÇA !... ...

5 comentários:

jj disse...

Ouvi... :))))

Só para dizer adeus, até Agosto!

Jinhos.

Anónimo disse...

Desde que dele tive notícia, tenho acompanhado o seu blogue...

Parabéns pela diversidade e riqueza do seu conteúdo!

Beijo Amigo e até breve:

msp-cgrde

Maria de Lourdes Beja disse...

Fico lisonjeada com as suas palavras, mas gostaria de que não se resguardassem atrás de um anonimato que,a repetir-se,não me permitirá manter qualquer tipo de diálogo,o que lamentarei certamente...

Anónimo disse...

Cá volto eu, pesquisando o seu blogue: repito as palavras do comentário que fiz há dias...

Tentei depois, dialogar, uma e outra vez, por email: sempre deparei com a caixa cheia, pelo que os mesmos me foram devolvidos!

Mas não quero que fique triste com o anonimato, pelo que hoje deixo uma "dica"! Lembra-se a Senhora Dra. Maria de Lourdes Beja de este ano pela quaresma, ter proporcionado à Maria do Carmo e Margarida uns saudosos momentos de partilha em sua casa?!

Estas suas Amigas têm agendado um reencontro, donde ter há dias terminado o comentário, como agora:

"Um beijo amigo, até breve!"

Maria de Lourdes Beja disse...

Muito obrigada!Espero que possamos promover uns encontros,passadas as férias,para conversarmos sobre tanta coisa que nos interessa.Terei sempre um enorme prazer em recebê-las se tiverem paciência para virem até cá. Bjs!